República, socialismo e PT – Tabeiros enfrentam debate proposto por Juarez Guimarães

Tabeiros, leitores e simpatizantes enfrentaram numa dessas redes sociais o debate proposto por Juarez Guimarães no artigo “A esquerda e a república” publicado no portal Carta Capital no dia 15 de junho de 2010. A discussão saiu da cabeça da Renatinha, isso explica ela ser a interlocutora dos comentários. O artigo pode ser lido na íntegra aqui.

Cartaz do PT do Pará, 1980. Faz parte da exposição PT 30 ANOS realizada pelo Centro Sérgio Buarque de Holanda em 2010.

 Os comentários e análises seguem aqui:

José Gabriel Labaki Tomaselli

Rezinha, muito bom o texto. No blog, tento o tempo todo argumentar que demonizar a política e os políticos é uma estratégia do poder para o PSDB. Se o Estado não presta, então diminua-o a ponto de poder jogá-lo na privada, como dizia o Reagan. A tucanada não tem nada pra apresentar, a não ser a diminuição do Estado. Como FHC é extremamente rejeitado, o eleitorado brasileiro não aceita a diminuição da máquina pública. Resta então, o ataque moralista udenista anti-corrupção.

O PT no governo nunca buscou o socialismo, embora internamente essa ainda seja a busca para setores do partido. Lembro quando em 2001 lá na Unicamp teve uma série de debates sobre os 140 anos da Comuna de Paris e a principal discussão era essa, o movimento foi socialista ou republicano. Essa briga é velha de guerra. Ser republicano significa aceitar o capitalismo e isso é muito difícil pra esquerda. Quando o Meirelles foi para o BC em 2003, eu juro que decidi romper com o maior de todos. Por alguns minutos, mas que pensei, pensei.

Mas o republicanismo é inclusivo, capitalismo para todos. Por isso a estratégia de desenvolvimento baseado no consumo. E aí sobra ataque dos dois lados, esquerda e direita. A direita por considerar imoral o crédito fácil para pobre comprar geladeira, isso quebra o país. A esquerda por considerar imoral a sociedade consumista. Tanto de um lado quanto de outro, o argumento contra o governo é moralista. E política não pode ser feita à base da moral. Nunca!

 Mariana Musa

me permite um adendozinho, zé? “ser republicano significa aceitar o capitalismo” não é um pouco anacrônico? Afinal, Roma era uma república (cunhou o termo aliás)… [é uma dúvida só… fiquei pensando depois que li vcs!] Um bjão saudoso

José Gabriel Labaki Tomaselli

Tem razão Musa, Roma era uma república, mas não é anacronismo não. Com a Idade Média o conceito de república foi abandonado por uma sociedade de privilégios. A ideia de república só foi retomado com o fim do Antigo Regime (Iluminismo, Revolução Americana, Francesa e Industrial). Após o surgimento do socialismo, ser republicano significava aceitar o capitalismo, pensando nos ideais de igualdade à la Rousseau, não na igualdade marxista ou anarquista. Foi nesse sentido que falei em república, capitalismo com inclusão de todos no capitalismo. Foi isso que o lulopetismo buscou, atingindo resultados expressivos. Discussão longa e prazerosa que merece uma mesa de bar, acha não?

Mariana Musa

acho demais!!! vamos marcar mesmo? Entendi o seu ponto agora, a construção moderna do ideário de república, a partir do advento do socialismo, está ligada ao capitalismo… perfeito! Pensei no anacronismo simplesmente pq a frase solta não se aplica à antiguidade… (certeza que a Rê vai ficar com invejinha da nossa super cerveja pra discutir esses conceitos no Bar!!! hahaha)

 Glaucia Fraccaro

Chamo Bernardo Cotrim para falar a quantas anda o socialismo petista. Tento pensar historicamente, se o PT conseguir consolidar a republica ja vai ser pra lah de transformador porque o Estado brasileiro esteve muito ocupado (ate 2002) em servir ao PRP paulista.

Quem foi convocado ao debate ou quiser participar, comenta aqui:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s